Leitura & Escrita

Mantenha-se informado das novidades



"Lethes Art Ponte de Lima - Cartografia de Culturas", in Jornal As Artes entre as Letras, 13.jun.2018.

Lethes Art Ponte de Lima 2018 - Cartografia de Culturas

de 1 de julho a 30 de setembro de 2018

< http://lethesartpontedelima.com >

“As verdadeiras paisagens são as que nós mesmos criamos, porque assim, sendo deuses delas, as vemos como elas verdadeiramente são, que é como foram criadas.”

Fernando Pessoa, “Diário de Bernardo Soares”, O Livro do Desassossego, 1982:177.


“O Espaço e o Lugar, como domínios da experiência humana, sempre suscitaram o maior interesse de disciplinas culturais e académicas distintas e, consequentemente, da arte contemporânea. Da arte figurativa à performativa, as práticas artísticas abordam os temas de formas diversas. A arte contemporânea, tanto como objeto como prática, pode contribuir para os domínios interdisciplinares em expansão das representações de Espaço e de Culturas. As obras de arte, moldadas pela própria perceção de espaço e de lugar do Artista, e da (sua própria) cultura, apresentam-se como a linguagem visual para esta Cartografia de Culturas, que pode contribuir para o pluralismo artístico contemporâneo e para o diálogo de culturas de um mundo globalizado.

Importante fator nas práticas artísticas e reflexões teóricas da arte contemporânea, o espaço e seus discursos e representações têm sido abordados a partir de uma variedade de segmentos temáticos, tais como, paisagens, seascapes, cityscapes, foodscapes, espaço reais/imaginários, momentos urbanos/rurais; por outro lado, os elementos do espaço emergem, a partir de uma série de disciplinas, para se tornarem temas de poéticas textuais ou visuais: comida e bebidas, da Gastronomia; a água, rios e o mar, da Geografia e do Ambiente; lugares sagrados e rituais, da Religião; retratos e monumentos, da História; entre tantos outros. Essas poéticas visuais de espaços e culturas tornam-se formas subjetivas de história e memórias, enraizadas no sujeito, o Artista, cuja linguagem visual esculpe representações e discursos de culturas, postas em diálogo nesta mostra internacional Lethes Art Ponte de Lima 2018.

Convidámos os Artistas a explorarem cartografias de culturas, bem como os seus discursos e representações, através das várias áreas artísticas de participação: Arquitetura, Cerâmica, Desenho, Escultura, Fotografia, Ilustração, Instalação de Arte, Livro de Artista, Pintura, Poesia, Vídeo, Computer Art, Land Art, Projection Art, Sound Sculpture. Esta segunda edição da mostra tem vários edifícios e locais com história de Ponte de Lima disponíveis para a exibição das obras selecionadas. A proposta conceptual do Lethes art 2018, recriar uma cartografia de culturas, de natureza desconstrutiva-reconstrutiva, para cada um dos espaços de exposição, inspirou centenas de artistas que submeteram as suas propostas. Após o processo de seleção, regista-se a participação de cerca de 126 artistas, de vários países, num total de cerca de 200 obras, a exibir em 8 espaços de cultura. Cada espaço de exibição conta com uma Narrativa própria, numa audaciosa proposta de curadoria, que se desenvolve como linha temática do conceito geral apresentado.

Lethes Art é um projeto artístico que promove a criação e exibição de obras de arte contemporânea de Artistas nacionais e estrangeiros em diversos locais de exposição da vila de Ponte de Lima, Município que o acolhe. O projeto almeja potenciar e facilitar a comunicação entre obras de arte, edifícios e lugares históricos da vila medieval, bem como entre o discurso artístico plural contemporâneo, os artistas e a perceção artística de públicos interculturais. A proposta da curadoria é operar este diálogo intercultural entre artistas, obras de arte e locais de exposição com História, nesta vila. De suporte ao projeto, aos artistas, e à equipa, bem como à comunicação de informação e registo do artista em área privada (Área do Artista), tem o Lethes Art a sua plataforma, que disponibiliza informação útil e notícias de atividades e eventos do projeto, bem como um separador de ‘Leituras & Escrita’ que, neste momento edita entrevistas ‘de artista para artista’. Através da plataforma pode ainda consultar o mapa da vila e conhecer de forma breve a história dos vários Locais de Exposição, bem como os respetivos horários de funcionamento e endereços < http://lethesartpontedelima.com>.

Lethes On The Move (LOM) é o nome do segmento que o projeto artístico Lethes Art desenvolveu, desde a primeira edição da mostra internacional no verão de 2017, e que enquadra um conjunto de atividades e eventos, como Exposições temporárias, workshops, formação de curta duração ou conferências e debates, espalhadas pelos restantes nove meses do ano. Recordamos duas exposições temporárias na Torre da Cadeia Velha no início do ano, com os artistas Mani Saemi, Milad Saemi e Maria Fagioli na primeira, e Carlos T., Costa Araújo e Patrícia Ferreira na segunda; o Sketching Workshop ‘Ser artista por um Dia’, promovido no Museu do Brinquedo Português, em Março; a participação, também com um workshop, na Feira da Educação de Ponte de Lima; e a ação de formação ‘Arte & Vinhos’, em Maio, no Centro de Interpretação e Promoção do Vinho verde. Com o repto que anunciou este segmento, Let’s move Arts!, renova-se aqui o desafio de outras viagens artísticas para este projeto.

Reiterando o desafio, aceite o nosso convite para a Abertura da II Mostra Lethes Art 2018, no sábado, dia 30 de junho, às 18:00h, com início na Capela das Pereiras, prolongando-se excepcionalmente o horário de funcionamento de vários espaços de exposição. As artes convocam-nos, em registos textuais, visuais e sonoros de memórias dos tempos diacronicamente plurais. Conheça a narrativa construída para cada edifício – com as obras de arte selecionadas desconstruídas e reconstruídas, outras textualidades emergem em cada edifício ou local na vila de Ponte de Lima!

Lethes Art!

Isabel Patim

(Professora Universitária/Curadora do Lethes Art)

Texto publicado no Jornal As Artes entre as Letras, 13 junho 2018, p. 17.



  • Partilhar