Notícias

Mantenha-se informado das novidades



Inaugurou, no passado dia 1 de julho , às 18h, na Capela das Pereiras, a primeira edição do Lethes Art Ponte de Lima, subordinado à proposta conceptual ‘Memória(s) & Identidade(s)’, que inspirou centenas de artistas a participarem nesta mostra internacional de arte contemporânea. Foram também centenas de pessoas que responderam ao convite para a sessão inaugural, cujo percurso teve início na Capela das Pereiras, com um momento único de acolhimento aos convidados ao som dos bombos do Grupo de Bombos S. Tiago Maior de Poiare, que aqui regista a fotografia!

Prolongando-se excecionalmente o horário de funcionamento dos espaços de exposição, em 12 espaços de cultura, a sessão inaugural convidou à visita à Casa da Garrida – UFP, com cerca de 50 obras de arte expostas, com paragem na Torre da Cadeia Velha, onde exibe o Artista Convidado desta edição, e terminou o percurso no MUTE – Museu dos Terceiros, com a intervenção do Senhor Presidente da Câmara de Ponte de Lima, Victor Mendes, e o Diretor Regional de Cultura do Norte, António Ponte, ao que se seguiu um Verde de Honra. Fica na Memória do Lethes Art o percurso inaugural e as suas centenas de seguidores, pelas ruas da vila de Ponte de Lima, tal cortejo anunciado com a arruada dos bombos.

A mostra está patente até 30 de Setembro, convidando o visitante a Ponte de Lima a usufruir de um dia de visita a edifícios com história e cultura na vila, com as suas próprias funcionalidades, mas também com arte contemporânea, ao mesmo tempo que pode ainda beneficiar do passeio pedestre entre os vários locais. Para orientar o visitante, o Lethes Art oferece um roteiro com todos os locais de exposição e o mapa da vila, disponível no Gabinete de Turismo.


Fotografia: Stephen van der Klei (01-07-2017)
Fotografia: Stephen van der Klei (01-07-2017)

A organização da sua visita pode orientar-se por critérios geográficos e horários de funcionamento dos locais de exposição, disponíveis em http://www.lethesartpontedelima.com/horarios, e no roteiro da mostra, ou apenas pelas narrativas artísticas, de memórias e identidades, aqui recriadas para cada um dos espaços de exposição, de acordo com o Conceito de 2017 http://www.lethesartpontedelima.com/lethesart-2017.

O apontamento da mostra no edifício dos Paços do Concelho, introduz uma das linhas estruturais do projeto Lethes Art, com o título de uma das obras expostas ‘De Portugal para o Mundo’. A partir da inquestionável presença de Portugal e dos Portugueses no Mundo, abrem-se as portas do Município de Ponte de Lima ao mundo, à cultura, às artes, à inovação, ao turismo, ao diálogo de culturas.

Reconstrói-se assim uma narrativa de significância própria, e imagem da identidade do projeto.

Para além dos espaços de exibição já referidos, pode, também, visitar as cerca de 300 obras de 162 artistas no Arquivo Municipal, Biblioteca Municipal, Capela das Pereiras, Centro de Interpretação da Historia Militar, Centro de Interpretação do Território, Centro de Interpretação e Promoção do Vinho Verde, Museu do Brinquedo Português, e no Teatro Diogo Bernardo.

Recriar uma narrativa de memória e identidade, de natureza desconstrutiva-reconstrutiva, para cada um dos espaços de exposição, é a audaciosa proposta da Curadora - com as obras de arte selecionadas desconstruídas e reconstruidas, outras textualidades emergem em cada edifício ou local, em registos textuais, visuais e sonoros de memórias dos tempos diacronicamente plurais.


Lethes Art!

Isabel Patim

  • Partilhar